0300 770 0262 (para Capital) / 0800 770 0262 (para Demais Localidades)
Ícone do WhatsApp SERVIÇOS: (11) 99520-9479 Ícone do WhatsApp PEÇAS: (11) 95022-8630 Ícone do WhatsApp FINANCEIRO: (11) 97235-5108

Notícias

Veja outras notícias recentes

Julho/2017

Junho/2017

Maio/2017

Dezembro/2016

Novembro/2016

Setembro/2016

Agosto/2016

Julho/2016

Junho/2016

Maio/2016

Abril/2016

Março/2016

Fevereiro/2016

Dezembro/2015

Novembro/2015

Outubro/2015

Agosto/2015

Julho/2015

Junho/2015

Maio/2015

Abril/2015

Março/2015

Escavadeira R140LC-9S, da BMC Hyundai, posiciona-se como a mais potente da categoria

Com motor de 126 hp, o equipamento faz menos esforço do que os concorrentes e apresenta o menor consumo de combustível entre as máquinas de 12-15 toneladas

A escavadeira BMC-Hyundai R140-9S é um prodígio da matemática. Com porte de 14 toneladas e motor de 126 hp, ela apresenta a potência de um equipamento de 16 toneladas, mas com a vantagem de representar um investimento 20% menor para os compradores. A máquina faz parte da classe de 12-15 toneladas, um segmento que cresceu 151% entre os anos 2010 e 2014, de acordo com a ABIMAQ (Associação Brasileira de Máquinas e Equipamentos).

"É a escavadeira que faz menos esforço e, consequentemente, tem o menor consumo entre as máquinas da classe de 12-15 toneladas", explica Alcides Guimarães (Manga), Gerente Nacional de Pós-Venda da BMC-Hyundai. De acordo com o executivo, a escavadeira possui seis cilindros, exigindo menos do motor e componentes hidráulicos, o que influencia diretamente no consumo de diesel. Em média, Manga avalia que a R140-9S consome entre 10 litros e 12 litros de combustível por hora, dependendo do modo de operação. "O modelo da concorrência, que tem um desempenho mais próximo, consome de 14 litros a 16 litros para operações similares", completa o executivo. 

Outra característica da escavadeira da BMC-Hyundai é sua caçamba com capacidade para 0,71 m3 de carga, considerada grande para uma máquina de 14 toneladas (com potência de uma de 16 toneladas). "Com essa caçamba, quem compra uma R140-9S adquire um equipamento que vai produzir mais, pois ela precisa de menos ciclos para movimentar os materiais", detalha Manga. Já o motor Cummins 6BT5.9 oferece maior confiança ao usuário por ser fabricado no Brasil e contar com um ótimo sistema de disponibilidade de peças.

Aliás, a fabricação local da R140-9S é outro ponto a favor da escavadeira. Produzida na fábrica da Hyundai Heavy Industries, em Itatiaia (RJ), o equipamento pode ser adquirido via Finame, do BNDES. "Se eu tivesse que resumir os três motivos para a compra da escavadeira, destacaria um trio de fatores: maior potência da categoria, baixo consumo de combustível e ótima produtividade", argumenta Manga.